O prefeito Bernardo Rossi sancionou no último dia 12 de fevereiro a Lei 7.944/2020, de autoria do vereador Antônio Brito (Republicanos), que inclui o Festival de Bandas Marciais no calendário anual de eventos da cidade. De acordo com a proposta, o evento acontecerá sempre no último sábado do mês de setembro, e acontecerá via de regra na Praça Visconde de Mauá, no Centro.

De acordo com o projeto, a APEBAN (Associação Petropolitana de Bandas) será a entidade responsável pela organização do evento. A APEBAN foi fundada em 15 de novembro de 2009 e tem por finalidade congregar as bandas e entidades existentes no município e defender seus interesses, buscar meios para o desenvolvimento técnico de seus associados, entre outros.

Brito argumenta que as bandas marciais já são uma tradição na cidade, com grupos fundados em 1950 e que são atuantes até os dias atuais. Como exemplo, ele cita a Banda Marcial Wolney Aguiar.

“É de suma importância a inclusão deste evento que já acontece há dez anos em Petrópolis no calendário da cidade, de forma oficial. É preciso valorizar os grupos da cidade e fomentar a cultura nos espaços públicos”, argumentou o vereador.