Na última sessão do ano da Câmara Municipal de Petrópolis, nessa segunda-feira (23/12) os 15 vereadores presentes aprovaram, por aclamação e unanimidade, dois projetos de origem do Executivo que beneficiam diretamente a Guarda Civil Municipal. São eles: a instituição da promoção hierárquica automática e a incorporação do abono aos vencimentos dos respectivos servidores. Os projetos foram incluídos em regime de urgência especial, a pedido do vereador Dudu (Patriota) e irão agora para a redação final, e depois serão encaminhados ao prefeito, com prazo de 15 dias para sanção.

O primeiro projeto aprovado foi o GP 1270/2019, que altera o sistema de promoção dos agentes. Agora, os servidores vão progredir dentro da hierarquia da corporação a cada cinco anos de trabalho prestado. Antes, além do tempo, havia um limite de vagas em cada nível, o que, na prática, inviabilizava a promoção.

A promoção automática era uma das principais reivindicações dos agentes. Assim, a prefeitura montou um grupo de trabalho que ficou responsável por estudar o impacto orçamentário-financeiro para realizar a mudança.

Para o vereador Dudu, a promoção automática representa a valorização dos agentes e foi um presente de Natal que o Governo e a Câmara deixam para os servidores da Guarda. Ele destacou que participou efetivamente da discussão do projeto e se disse muito feliz em ver que esse sonho efetivamente realizado.

O vereador Maurinho Branco (PP) destacou o efetivo trabalho que vem sendo realizado pela Guarda Civil, que ele pôde presenciar mais efetivamente enquanto esteve à frente da CPTrans, entre janeiro de 2017 e junho de 2018. Para o vereador Ronaldo Ramos (PSB), a vitória da Guarda Civil que há muitos anos luta por esses direitos foi ratificada pela Câmara, e não poderia ser diferente.

Logo em seguida, foi aprovado o GP 1271, que incorpora o abono aos vencimentos dos servidores da Guarda Civil, como forma de prestigiar a corporação pelo trabalho e esforço realizados em prol dos munícipes petropolitanos.

banner principal